Gestão de processos turbina produtividade na crise

Pexels Fauxels 3184293 - Contabilidade em Grande Vitória e ES | Quantum Soluções Empresariais

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Todos os dias os analistas econômicos alertam sobre incertezas e desafios no curto, médio e longo prazos. Nesse sentido, a gestão de processos pode alavancar sua lucratividade a partir de recursos que a empresa já possui.

Com o intuito de fornecer um roteiro que seja atingível e relevante, destacamos quatro passos simples para você começar a implantar a gestão de processos hoje mesmo.

  1. Padronização

Primeiramente, comece por mapear quais são os processos adotados pela empresa como um todo e, se possível, em cada departamento.

A ideia é convocar gestores e funcionários para verificar se os processos, de fato, funcionam e evitar desvios e desperdício de recursos materiais e humanos.

Simultaneamente, é possível discutir como os funcionários atuam, de modo a antever, gerenciar e atender os desafios trazidos pelo mercado.

Ao passo que a empresa atinge certa redução de custos, o capital pode ser redirecionado para o investimento em ações estratégicas, com consequências diretas na melhoria da produtividade.

Assim, a empresa terá condições de crescer e agregar mais valor aos seus clientes.

  1. Gestão de processos tem tudo a ver com melhoria contínua

Em segundo lugar, vamos falar da revisão dos processos. Uma vez que a padronização seja adotada, é importante revisá-la de tempos em tempos.

A chamada empresa “Gabriela” (definição inspirada na música “Modinha para Gabriela”, de Gal Gosta[1]) que ainda existir, está com os dias contados.

Para que a empresa se destaque, assegure seu lugar no mercado e cresça nesse momento de crise você precisa abraçar as mudanças e abandonar hábitos e técnicas que mantém o negócio na zona de conforto.

Em resumo, quem não aperfeiçoa suas práticas, não ganha eficiência e, por consequência, não vinga.

  1. Envolva a equipe

A gestão de processos é bem-sucedida quando as novas práticas são implementadas na sua completude e igualmente quando as mudanças não são trazidas de forma autoritária pelos gestores.

Portanto, chame o seu time para ajudar no mapeamento e na implantação dos novos processos. É público e notório que quem realiza as atividades diariamente tem uma percepção, muitas vezes, mais clara dos gargalos e aberturas a serem exploradas.

Sua equipe também pode opinar sobre o resultado do diagnóstico e os novos planos, oferecendo um feedback que permitirá economizar tempo e dinheiro durante a implantação.

  1. Use métricas para acompanhar seus resultados

Por fim, tenha em mente uma frase de Peter Drucker, autor que é considerado o pai da administração moderna: “O que não é medido não pode ser melhorado”. Mais do que uma frase de efeito, ela descreve um dos fatos mais incontestáveis na gestão empresarial.

Identifique quais indicadores se aplicam ao seu negócio e os monitore a intervalos regulares.

Desta forma, você conseguirá decidir se vale continuar a investir na estratégia, fazer alguns ajustes ou até abandoná-la e elaborar um novo plano para, finalmente, atingir suas metas.

 

Quer saber mais sobre gestão de processos? Entre em contato com um dos nossos consultores.

 

Foto de fauxels no Pexels

[1] O refrão da música diz: “Eu nasci assim/ eu cresci assim/ E sou mesmo assim/ E vou ser sempre assim:/ Gabriela, sempre Gabriela”.

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! Clique no botão abaixo e fale conosco!

Precisa de ajuda?