Seu supermercado pode ter mais vantagens do que no Simples Nacional

Lucro Real - Contabilidade em Grande Vitória e ES | Quantum Soluções Empresariais

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

O  regime tributário de lucro real passa a ser opção para negócios que faturem acima de R$ 150 mil/ mês e que estejam no Simples Nacional; estudo tributário profundo é necessário antes de migrar

O seu supermercado hoje está no Simples Nacional?  Ele pode não ser o regime mais vantajoso para o seu negócio, embora, possa ter lhe parecido a solução mais prática. Veja, agora, como o Lucro Real pode ajudar a melhorar a rentabilidade do seu empreendimento.

O lucro real para supermercados pode a ser vantajoso para aqueles empreendimentos que estejam faturando acima de R$ 150 mil mensais.

Em números, a diferença pode ser gritante: o Simples Nacional tem alíquota a partir de 4% para supermercados e evolui conforme o faturamento. No caso de lojas que faturem cerca de R$ 100 mil mensais, a alíquota sobe para 12%, por exemplo.

Você está apto para migrar para o Lucro Real?

Você fez as contas e percebeu que pode ser o caso de migrar para o Lucro Real?

O passo seguinte é fazer uma avaliação detalhada para avaliar uma possível migração de regime tributário. É importante ressaltar esse ponto: apenas um estudo tributário personalizado irá apontar a melhor solução para o seu supermercado.

Para isso, você precisa pôr na mesa o seu plano de negócio, todas as informações de venda, financeiras,  tributárias e o inventário do estoque.

Hoje, já existem softwares focados no mercado alimentício que conseguem reunir todas as informações, de modo a facilitar o seu controle – vale consultar um especialista ou o Sebrae para mais informações.

Esse levantamento permitirá identificar qual o valor a ser pago em cada contribuição (PIS, Cofins, ICMS, IRPJ e CSLL), o que permite planejar e desenvolver estratégias para diminuir a carga tributária.

Saber quais tipos de produtos vendem mais na sua loja, por exemplo, ajudará a identificar se você paga mais ou menos de ICMS, PIS/Cofins e se há itens que podem ganhar isenção do imposto no regime de lucro real.

Este é o pulo do gato da tributação pelo lucro real para supermercados: o cálculo de pagamento de PIS/ Cofins, que é feito sobre a diferença entre a compra e venda dos produtos. Quando esta diferença é de até 25%, vale avaliar mudar para o lucro real.

Por outro lado, no Simples Nacional, o cálculo destes impostos é feito com base no quanto a empresa vende.

É importante lembrar que para efeito de cálculo do imposto de renda de pessoa jurídica, a Receita pressupõe, pelo Simples Nacional, que o comércio alcance 8% de lucro. Ao optar pelo lucro real, se a sua performance for inferior, você pagará IR equivalente a ela.

A modalidade de lucro real ainda permite que outras estratégias tributárias, legais, sejam realizadas para diminuir a incidência de impostos. Para isso, é preciso que a sua equipe tenha o suporte de uma equipe contábil especializada em supermercados.

Atenção para os detalhes na hora de alterar o regime tributário

O ponto negativo da tributação pelo lucro real para supermercados é que pode haver aumento da despesa com INSS sobre a folha de pagamento dos colaboradores.

Já citamos várias vezes, mas nunca é demais lembrar: um estudo criterioso por parte de uma empresa especializada em contabilidade para supermercadistas pode avaliar se, diante disso, a migração ainda irá compensar. A boa notícia é que na ampla maioria dos casos, o saldo ainda é positivo.

E quando a mudança poderá ser feita? Apenas no mês de Janeiro de cada ano. Ou seja, há tempo hábil para preparar o seu negócio para aderir à próxima janela de oportunidade.

Ficou interessado em avaliar se vale a pena migrar o seu supermercado para o lucro real? Clique aqui e agende uma conversa com um dos nossos especialistas.

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! Clique no botão abaixo e fale conosco!

Precisa de ajuda?