3 dicas matadoras para contratar o colaborador certo e evitar o turnover

Pexels Tima Miroshnichenko 5439141 - Contabilidade em Grande Vitória e ES | Quantum Soluções Empresariais

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Richard Branson, fundador do grupo Virgin, declarou que os colaboradores vêm antes dos clientes em importância. Polêmico? Contratar bem, certamente, dá lucros. A Quantum Soluções conta como acertar na escalação da sua equipe. 

Branson justificou-se dizendo que, ao cuidar bem dos colaboradores, eles se dedicariam igualmente aos clientes.

Agora, vamos voltar algumas casas para mostrar como planejar e atrair excelentes nomes para o seu time.

Especifique as características do cargo e a cultura da empresa

Cada função precisa ter suas atribuições definidas com clareza, bem como as habilidades técnicas e emocionais requeridas para executá-la plenamente. 

Uma recepcionista, por exemplo, além de dominar o pacote de programas do tipo Office, deverá saber fazer uso da paciência, da escuta ativa, ser organizada e ter jogo de cintura para melhor atender o público. 

A cultura de uma determinada empresa pode valorizar a proatividade enquanto outra, mais conservadora, pode reconhecer profissionais que documentam e consultam seus líderes antes de tomar decisões. 

Frequentemente a questão da cultura da empresa é subestimada, priorizando-se as habilidades técnicas do candidato. Não cometa esse equívoco: o candidato certo existe e só precisa ser descoberto.

Divulgue a oportunidade e comece o processo seletivo

Crie um descritivo para a vaga que seja atraente para os candidatos ideais. Seja claro quanto às atribuições do cargo e eventuais benefícios. 

A oportunidade deve ser publicada nos locais habitualmente conferidos pelo seu público-alvo. Ou seja, a divulgação pode incluir redes sociais (LinkedIn, Facebook, Twitter), sites de agências de empregos e a seção “Trabalhe Conosco” do seu site. 

Quanto ao processo seletivo, ele deve ser pensado para que os candidatos possam revelar suas habilidades à empresa contratante. Nesse sentido, a combinação de currículo e entrevista pode não ser o suficiente. 

É provável que atuais membros da sua equipe possam oferecer dicas valiosas para aprimorar seu processo seletivo, por isso, consulte-os sobre a posição em aberto.

Faça diversas entrevistas – pesquisar a fundo diminui a alta rotatividade

Ter a oportunidade de conversar várias vezes com os candidatos permitirá que eles sejam mais bem conhecidos pelo contratante antes do ingresso no cargo. 

O entrevistador deve dedicar-se tanto ou mais que o candidato. Seja pontual, evite ausentar-se mesmo que momentaneamente ou atender ao celular. Preste atenção às respostas verbais e à comunicação não-verbal (gestos, expressões faciais e até reações do corpo). 

Crie um roteiro geral para guiar as conversas. Analise os currículos individualmente, anote as dúvidas e busque explorar os diferenciais de cada um. 

Uma boa estratégia é começar por assuntos gerais e depois aprofundar-se nas informações do CV. Assim também vale questionar a forma como os candidatos se conduziriam em situações corriqueiras ou mesmo críticas da função.

O ideal é que os líderes, membros do RH e até futuros colegas participem do processo seletivo. 

O turnover sai caro para a empresa 

Turnover é o termo em inglês que para rotatividade dos colaboradores. Quando esse índice é alto implica na perda constante profissionais alinhados à cultura da empresa e que dominam suas atribuições, ou seja, é prejuízo na certa. 

Geralmente, quando esse quadro se estabelece, a empresa apresenta um quadro de más condições de trabalho, cultura organizacional tóxica, perfil inadequado etc. que leva à desistência pelo colaborador.

A alta rotatividade também pode partir do empregador, quando este se vê diante de problemas na gestão financeira, baixo rendimento do colaborador, quebra de cláusulas empregatícias, conflitos com colegas etc.

Entre os prejuízos trazidos à instituição pelo alto turnover estão a queda na produtividade, desestruturação do setor, piora do clima organizacional, aumento das despesas com demissão e admissão e até perda de outros funcionários.

Focar em um desenvolver um processo seletivo consistente e conquistar os profissionais mais adequados para suas respectivas funções evita esses problemas e refletirá de forma direta e positiva no balanço da empresa.

 

Para mais informações sobre como melhorar suas contratações e evitar o turnover, fale agora com um dos nossos especialistas.

 

Foto de Tima Miroshnichenko no Pexels

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! Clique no botão abaixo e fale conosco!

Precisa de ajuda?